Palavra de Intercambista: Cidade do Cabo

Texto escrito por Renan Troiano no Blog da EF:

Palavra de Intercambista: Cidade do Cabo

Uma nova série de posts começa agora no Blog da EF – Palavra de Intercambista!

Nada é melhor do que ouvir a opinião de quem já esteve no destino que queremos estudar e viver por um tempo, certo?
Vamos conversar com pessoas de várias idades e que estudaram em diferentes escolas e destinos do mundo para aprender uma nova língua e cultura.
Desta vez, convidamos o Nilson pra contar pra gente (sem papo furado) como foi a experiência de intercâmbio dele na África do Sul – na Cidade do Cabo.
O Nilson tem 26 anos e morou por 1 mês em Cape Town, em 2012, estudando inglês.

Por que você escolheu a Cidade do Cabo para realizar seu intercâmbio?

O meu grande sonho era a Nova Zelândia, mas na época o preço da passagem aérea estava muito alto, então pesquisei outros destinos e encontrei a Cidade do Cabo, uma cidade diferente, com um clima parecido com o do Brasil, paisagens lindas e, claro, o Safari – um dos motivos pelo qual optei ir pra lá.

Quais foram as primeiras impressões mais marcantes?

Sem dúvida foram as belíssimas paisagens. Eu cheguei de noite e não tive a chance de ver a princípio, mas no dia seguinte, tomei meu banho e café da manhã e depois avisei minha host mother que iria andar um pouco pelo bairro, e então consegui ver lindos lugares! Sem contar que da casa onde eu fiquei eu conseguia ver a Table Mountain e o Devil’s Peak. Depois do almoço, fui ao shopping com minha host family e vi mais lugares bonitos, mas o que mais me marcou foi quando subimos ao topo da Devil’s Peak com a escola e de lá eu vi praticamente a cidade toda (muito lindo).
Posso dizer que fiquei de boca aberta com tamanha beleza dos recortes geográficos dessa linda cidade.

Em qual momento percebeu que estava falando inglês de forma mais natural?

No quarto dia. É até engraçado, eu falo para as pessoas que me perguntam sobre meu intercâmbio que eu meio que fui forçado a falar inglês (risos)!
No terceiro dia eu tive que ir “comprar” internet porque não estava lá somente de férias, eu tinha trabalho a fazer, então fui a uma loja perto da EF e comprei a minha internet e meu adaptador de tomada, tudo isso fazendo mimica!! Foi então no quarto dia que eu percebi que o nervosismo havia passado e então meu inglês já estava saindo naturalmente.

Nilson, você decidiu ficar em casa de família, certo? O que tirou de mais legal dessa experiência?

Escolhi ficar em casa de família por ser meu primeiro intercâmbio. Achei que seria mais fácil, porque eu não sabia cozinhar, passar roupa, limpar casa, etc… Não era meu forte, não quer dizer que hoje seja (risos). Além de que, as dicas que a família me deu, o modo de vida deles, contatos que me ajudaram, tudo isso ajudou para que tudo saísse perfeito em minha experiência.

Vida noturna, esportes, restaurantes… O que a Cidade do Cabo tem a oferecer pra você?

Pode-se dizer que tudo, se você gosta da vida noturna, você pode ir a diversas baladas ou bares, a Long Street é muito famosa por ter uma longa rua repleta de opções para se divertir a noite, durante o dia também é muito interessante. Quanto ao esporte, você pode fazer desde os mais radicais, como bungee jumping, surf, mergulho… E também os mais tranquilos como futebol, vôlei de praia, ciclismo…
Os restaurantes são diversos, você praticamente acha um em cada esquina, até restaurante brasileiro eu achei por lá! A Cidade do Cabo não te deixa parado, posso dizer que em um mês você não desfruta tudo que a cidade tem a oferecer, pois são muitas opções. Para quem não conhece a cidade, um red ou blue tour é um bom começo, onde você conhece muitos pontos turísticos da cidade.

Cite um lugar secreto que nenhum turista tem costume de ir.

Olha, sinceramente eu não conheço nenhum secreto que nenhum turista tem costume de ir. Ao chegar lá, você acaba recebendo dicas de todos, novos amigos, funcionários de estabelecimentos, taxistas e então você acaba descobrindo vários tipos de lugares.

Por que você recomedaria a Cidade do Cabo para um intercambista de primeira viagem?

Recomendaria a Cidade do Cabo pelo fato de agradar a todos os gostos. Pela diversidade de atividades a se fazer e pela receptividade dos moradores da cidade. É uma cidade que te acolhe com muito amor e carinho e faz você se sentir um morador de lá e não é a toa que muitos dos meus amigos que fiz lá, estão morando lá até hoje e com a maior felicidade do mundo.

Nilson, hoje, conta suas histórias em seu site sobre viagens. É palavra de intercambista, pode confiar!

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More
Powered by WordPress and WordPress Themes, thanks to Live Jasmin